985

A quebra das utopias?

Fãs,

Nas últimas páginas do livro de Cervantes, morre Dom Quixote. Hoje, cheguei à última página. Meu Dom Quixote despencou da mesa da sala e cataploft no chão. Como na história, ficou vivo Sancho, a razão. Mas a razão, depois de contagiada pela loucura, nunca volta a ser como era. Sancho já está quixotizado, ficou ali, com uma perninha ao lado, mesmo que todo o corpo tivesse ido.

Pessoa chorou: “Borginho, acho que fui eu que esbarrei, matei a loucura, matei o Quixotezinho….”

E respondi: “Pessoa, você não matou a loucura, você a partiu em milhares de pedaços que agora vão atrás de outros Sanchos que serão, também, transformado por eles.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

Escreva uma cartinha pro Brges. Basta enviar para:

Borges, o gato – Instituto Gênesis – Incubadora de Empresas PUC-Rio

R. Marquês de São Vicente 225 | Edifício Dom Jaime de Barros Câmara | Gávea | Rio de Janeiro RJ Brasil | CEP 22451-900

 

984

985

3 comentários em “A quebra das utopias?

Deixar uma resposta para Jaqueline Cancelar resposta