Amor fraterno

Fãs, amados fãs,

Se há poucos meses atrás eu odiava a Christie, tenho que dar a pata a torcer, hoje eu amo muito minha irmãzinha caçula. Ela é a felina que me ouve, me entende, brinca comigo, me faz companhia, mesmo sendo totalmente diferente de mim. Como se fôssemos Quixote e Sancho, Holmes e Watson, Batman e Robin, Chitãozinho e Xororó, Buchechecha e Claudinho, Arroz e Feijão, Corte e Costura, Tiro e Queda e todas essas duplas que ouvimos falar por aí, por isso sempre empresto meu blog para ela aparecer, ainda que ela não seja intelectual, bonita e famosa como eu. hehehe

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

Dando um beijinho na moleira na caçula <3
Beijinho na bochecha tb!

Hora da limpezinha de ouvido. Huuummm, cera amarga.

 

10 comentários em “Amor fraterno

  1. Que amor, Borges!
    Queria ser felina pra ganhar uma sessão de lambidas assim… =^.^=
    Nhoim, nhoim, nhoim.

  2. Muito bem Borges! Tem que cuidar da sua irmãzinha com muito carinho e amor. Irmãos podem ser nossos melhores amigos. E complementando as duplas que você citou, vale lembrar de Yin e Yan. Você completa a parte intelectual dela e ela completa sua parte divertida!

Deixar um comentário