291

Buracos

Fãs,

Com a derrocada do império christiano, o castelo foi abandonado ao vento e está cada vez mais buraco ao ponto de ser mais buraco que Christielo. E o buraco é uma coisa assim, ao ponto de quanto mais há, menos coisa há. O Christelo foi tornando-se um furo, um furo, um furo e ficou só furo, sem Christelo e restou a Christie catar os espólios e se contentar em morar na descoberta varanda. E ali está ela em seu buraco menos buraco, mas sem deixar de ser buraco, a tal da catcave que nada mais é do que um monumento a mim, agora habitado por ela que dorme e que habita em sonhos castelos, buracos e outros sonhos que caem em buracos infinitos repletos de buracos dentro.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

291

5 comentários em “Buracos

  1. Nossa que texto mais esburacado, muito buracos!!!

    kkkk, a cat cave é um monumento à vc é agodonildo?? Hehehe fofinho!!

Deixar uma resposta para Alexandra Martins Cancelar resposta