amassa-christie1

Confissões de uma irmã

Olá, amiguinhos. Tudo bom? Sou eu de novo, a Christina. Hihihi

Ai, que saudadinha que eu estava do Chico, das suas mãos babadas, das suas mordidas, dos seus gritos, dos seus puxões de pelo e de rabo. Minha vida sem elezinho tinha perdido todo o sentido. Eu pensava todo dia: Cadê meu irmão, cadê meu caçula com sua alegria e seus sorrisos. E agora ele voltou de viagem. Entrou pela porta com sua gargalhada de bebê, sua felicidade, seus apertões, sua mão babada, seus puxões no pelo e eu só consigo pensar: quando será que essa peste viaja de novo?

Ass.: A gata Christie

amassa-christie2
Ele me esmaga
amassa-christie1
Ele me amassa

amassa-christie3
Depois dormimos

3 comentários em “Confissões de uma irmã

Deixar um comentário