pessoa-sozinha1

Crisálida

Fãs,

Destinada ao fedor, Pessoa resolveu se retirar do convívio social. Come em horários alternativos, sozinha. Dorme em horários alternativos, sozinha. Arrumou uma caixa só para si, isoladora de fedor. “Mamãe, quando eu vou voltar ao normal?” E mamãe lhe responde: “quarta-feira”. E ela, a cada minuto pergunta: “é hoje? é hoje? é hoje?”Até que deu meia-noite e mamãe “é”.  Pessoa disse: “então vamos!” Mamãe explicou que não era hora de ir ao veterinário. “Ué, mas a clínica não é 24 horas?”, “É, Pessoa, mas para emergências!”, “Mas é uma emergência eu tirar essa roupinha e parar de feder a remédios”.  Pessoa terá que esperar até de tarde para tirar sua roupa e, quem sabe, voltar a ser uma gata normal ou até mesmo melhor do que era. Enquanto isso, ela continua em seu casulo, esperando o dia em que deixará de ser lagarta para virar uma linda borboleta.

ass.: Borges, o gato – @borgesogato

pessoa-sozinha2

pessoa-sozinha1

5 comentários em “Crisálida

  1. Quando eu fui castrada, meus filhotes queriam muito mamar em mim, mas eu tive que ficar presa enquanto seringas sem ponta davam leite especial pros meus bebes 🙁

Deixar uma resposta para Jaqueline Cancelar resposta