Dica de Cuidado 3 – Sobre a Toxoplasmose com a Tia Vivian

Olá, fãs!

Mais uma semana começando e hoje é o dia do quadro em que aprendemos muito sobre gatinhos. Sei que vocês sabem muuuito sobre nós, mas nesta troca de experiências sempre aprendemos algo novo, não é? Por isto, hoje chamei aqui a tia Vivian que vai falar bem faladamente sobre o polêmico assunto da toxoplasmose. Pede pra quem tá aí do seu lado fazer silêncio (pede pra calar a boquinha, pede), se concentra e vamos ler este texto que é muito sério e importante. Imagina a voz da tia Vivian falando com vocês.

Vamos lá, valendo!

——————

vivianOlá, fãs do Borges e da Christie. Eu sou a Vivian Lage do Pet Paradiso. Prazer imenso estar aqui de novo com vocês. Foi ótimo no primeiro post termos trocado ideias e esclarecido dúvidas. Hoje, venho falar de um assunto que é muito contraditório e que requer muita atenção de todos nós, pois muito do que falam é mito.

A toxoplasmose, conhecida popularmente e erroneamente como “Doença do gato”, tem grande impacto na saúde pública. Quem nunca ouviu dizer que grávidas não podem ter gatos?

Esta confusão se deve ao fato do protozoário causador da doença, o Toxoplasma gondii, ter um ciclo de vida bem confuso, com diferentes estágios e hospedeiros.

O gato é responsável por uma parcela mínima de transmissão (em torno de 1% dos casos). Ele se infecta ao ingerir hospedeiros intermediários como rato, lagartixa, pombo ou carne crua. Ele só elimina oocistos “ovinhos de toxoplasma” durante 15 dias de sua vida inteira. Ocorre principalmente em animais jovens e animais imunocomprometidos (FIV positivo). Esses “ovinhos” só se tornam infectantes, ou seja, capazes de causar doença, após 48 horas no meio ambiente (solo ou caixa de areia). A transmissão através de carinho ou beijos no seu animal é nula, pois como você já sabe, gatos passam o dia se higienizando, retirando assim de sua pelagem possíveis “ovinhos” de pele e pelo.

Recapitulando: Para se infectar de um gato, é necessário ingerir fezes que estão a 2 dias no ambiente/ caixa de areia. Improvável não?

O QUE DEVO FAZER EFETIVAMENTE PARA EVITAR A TOXOPLASMOSE?

 Essas dicas devem ser seguidas a ferro e fogo principalmente se você estiver grávida.

1. Não comer carne crua ou mal passada (principalmente a suína);

2. Higienizar muito bem frutas, legumes e folhosos;

3. Lavar muito bem as mãos principalmente quando estiver manipulando alimentos;

4. Não ingerir leite cru;

5. Realizar limpeza da caixa de areia ou serviço de jardinagem com LUVAS.

 

E COM RELAÇAO AO MEU GATINHO? COMO DEVO PROCEDER?

1. Limpar a caixa de areia ao menos 2x ao dia. Higienizar a caixa com cloro e/ou água quente;

2. Impedir o acesso à rua;

3. Não oferecer carne crua ou de origem duvidosa;

4. Realizar visitas frequentes ao médico veterinário;

5. Vermifugação a cada 4 meses.

Pra finalizar, deixo um vídeo e um pôster muito explicativo pra vocês compartilharem nas redes sociais e ajudar a combater este preconceito com os gatos.

b_toxo

embarazada-y-gato

toxoplasmose

Vivian Lage de Oliveira
CRMV-RJ 10858
Especialização em Clínica Médica de Pequenos Animais
Formada pela UFF
Pet Paradiso: 3ªs, 6ªs e Sábados
Rua Barão de Mesquita, 359
2234-7775 ou 2574-9589

30 comentários em “Dica de Cuidado 3 – Sobre a Toxoplasmose com a Tia Vivian

  1. Que lindas as fotos, quando minha tava gravida de mim isso há 29 anos atrás na minha casa tinha 15 felinos, e uma dormia na barriga dela, quando eu nasci essa mesma felina dormia no meu berço, e não tinha jeito, pois era tirar ela que eu chorava e ela voltava, eu tenho gato até hj e nunca peguei nada, nem alergia nem nada, tudo isso é besteira e o dia que eu tiver um filho ele vai amar os gatos assim como eu amooooo

  2. Adorei! É ótimo ver que o preconceito contra os gatos – às vezes justificado de forma tão irresponsável – está sendo combatido!
    Ótimo, ótimo, ótimo!!!!!!

  3. Excelente matéria! Mesmo sabendo que “a culpa não é do gato”, é sempre importante termos mais conhecimentos e argumentos para contrapôr quem fala isso! Valeu a dica. gato Borges! Valeu pela matéria, Vivian Lage!

  4. Excelente! Creio que todos nós, mesmo sendo gateiros assumidos, precisamos de sempre mais informações sobre os nossos queridos, e com saúde não se brinca! A deles e a nossa. Beijos!

  5. Esse tipo de informação é fundamental para diminuir o preconceito. Seria muito pedir a Dra. Vivian um esclarecimentos a respeito da asma x gatos? Eu pessoalmente sofro de ambos (asma x preconceito dos que me dizem que minha asma é causada pelos meus gatos). Sei que essa crença tem origem no ronronar, associado ao chiado do peito provocado pela crise. E sei que vivo tranquilamente no meio dos meninos; a crise só acontece por motivos específicos, e não exclusivamente por eu ser mãe de gatos, como insistem por aí.

    • Olá Eleonora,
      sua sugestão foi anotada aqui na minha lista. Já tenho um novo tema para a próxima quinzena, mas com certeza surgirá oportunidade pra falar sobre asma.
      Beijos

  6. ai meu Deus! e eu como carne mal passada quase crua!
    eu não entendi essa do leite. leite cru é leite puro? eu amo leite puro e tomo toda noite antes de dormir. faz mal isso? a minha gata tem mania de quando ela se lambe ela lambe a minha testa. eu lavo ou não faço nada depois?

    • Juliane, o problema da carne mal passada não é só a toxoplasmose, vc pode se contaminar também com ovos de outros parasitas, como a tênia (solitária).
      O leite cru é aquele fresco, recém-tirado da vaca e sem ferventação ou outras formas de pasteurização.

  7. Recebi um comentario: prima perdeu o bebe dela ainda na gestação…o caso dela foi analisado na unicamp, e depois de 1 ano o laudo foi uma doença transmitida pelo gatinho,,dela….ela não se desfez do gato, mas na segunda gestação o gatinho dela ficou com minha outra tia…foi isso que ela nos disse…

    O que dizer ?? E entendi o post…s

    • Olá Lucys,
      bom, difícil chegar a uma conclusão devido aos poucos dados do comentário. Doença transmitida pelo gato? Como eles sabem que a “culpa” foi do gato? Será que a causa do abortamento foi a Toxoplasmose? será que ela não realizou trabalhos com terra/jardinagem? comeu carne mal passada? comeu alguma salada em um restaurante ou até mesmo em casa e não lavou bem as folhas? Enfim, tantas questões envolvidas até se chegar a conclusão que o animal foi o causador do problema…

  8. Tb adorei a matéria Borginho, eu como sou da área da saúde já ouvi e ainda ouço muita besteira sobre isso dos gatos passarem toxoplasmose e outras doenças respiratórias. O que mais ouço é de mães com crianças pequenas que já estão com algum tipo de alergia e as mesmas sempre dizem que é rinite, bronquite, asma e sei lá o que sem realmente ser esse o diagnóstico e “deus me livre” ter um gato, vai piorar… O pior é que nem adianta tentar orientar de que tudo isso é um mito, essas pessoas são bitoladas naquilo que a vizinha disse, no que a mãe disse, mas ás vezes o nível de cultura delas influencia muito. Deveria ter folders e explicativos sobre isso na área da saúde pública para esclarecer a população sobre esse mito. Parabéns pela matéria.

    • Obrigada Suleima! Seria ótimo termos esses posters espalhados pela clínica da família, UPAs, hospitais públicos e particulares. mas enquanto isto não ocorre, nos resta compartilhar nas redes sociais!!
      Beijos

      • Oi Vivian, obrigada pela resposta, sim, seria muito bom se tivesse na rede os explicativos, mas enquanto não tem eu tento fazer o que posso para ajudar a desfazer o mito, eu tento! Ah,outra coisa.. sobre a carne crua para os gatos, pois existe muitas pessoas que praticam a alimentação natural com seus gatos e cães, que consiste basicamente em oferecer 3 tipos de carnes crua, bovina, frango e peixe, tirando outros componentes como alguns vegetais e suplementos, aí fica a minha dúvida, pois eu dou para os meus de vez em quando um franguinho cru, carne moída e peixinho tb, eles amam, comem até ovo cozido (rsrsrsrs..), mas eu compro de estabelecimentos de confiança, com o “ok” da vigilância, bem embalado, esterilizado e tals. Tem algum risco de eles comerem essa carne e contraírem o toxoplasma mesmo assim? Sobre alimentação natural tem o http://www.cachorroverde.com.br
        Obrigada!

      • O Suleima, não consegui responder no sua resposta aqui embaixo, então, respondo por aqui.
        A carne embalada a vácuo tem realmente garantia da vigilância. Quando o supermercado abre e coloca uma nova embalagem (como uma bandejinha, p.ex), a garantia já não é 100%, pois ocorreu manipulação de funcionários entre outras fraudes, que podem ocorrer. Enfim, risco existe,mas como escrevi no texto, o gato só libera 15 dias de “ovinhos” durante sua vida inteira. Desde que você tenha hábitos de higiene simples, a chance de zoonose é muito baixa.

  9. Ótima matéria Vivian. Escuto coisas absurdas a respeito disso!!! A ignorância impera.Então temos que compartilhar mesmo!!!!

  10. Eu comentei que tenho gatos desde que nasci, eu tinha uma que me acompanhou por 17 anos, e posso falar foram 17 anos de muito amor, muito carinho e muito rom rom, até que um dia eu começei a sentir meu olho como se estivesse com conjuntivite, fui ao oftalmo e o mesmo me falou que estava com toxoplasmose, e que eu teria que me desfazer da minha gata e do meu cachorro, e que só poderia comer peixe e mas nada, na hr eu fiquei com medo, pq eu era idonia nesse assunto, sai do consultorio aos plantos como eu poderia me livrar da minha gata, que sempre dormiu na minha cama comigo, que me esperava na porta sempre que eu vinha do meu serviço, cheguei em casa ai olhei pra ela, sabe ela parecia saber que as coisas nao estavam bem, ai ela veio no meu colo começou a amassar pãozinho e a ronronar, ai eu pensei assim poxa ela já esta a anos aqui comigo e eu nunca fiquei doente por causa dela, pq eu vou me livrar dela, eu vou é me livrar desse oftalmo sem noção, fui em outro que só me pediu pra não deixar ela ficar na cama comigo durante o tratamento, pois minha vista estava sensivel e o pelo poderia irritar ainda mas, cheguei em casa e conversei com ela, isso mesmo conversei assim como converso com minhas amigas, sabe mãe de gato conversa com seus filhos e ponto, expliquei que ela teria que dormi na sala, por um tempinho mas que logo voltaria pra minha cama e que nesse tempinho ela tb nao podia entrar no meu quarto, e melhor disso tudo foi que ela entendeu e obedeceu, durante 3 meses eu nao peguei ela no colo, e nem dormi com ela, quando recebi alta, a primeira coisa que fiz foi abraçar e beijar muito minha amiga, hj eu na certa nao teria privado ela de ficar comigo mas eu nao tinha noção de que essa doença nao vem dos gatos, infelizmente há 9 anos ela me deixou teve um ataque cardiaco e não pude socorrer ela pois eu nao estava em casa, mas hj eu tenho uma pretinha linda, espero que ningué deixe seus gatos, por mitos, doenças existem em qualquer lugar e vc está sujeito a elas de qualquer maneira, deixamos de frescura e vamos amar nosso felinos….

  11. O mais triste é constatar que médicos desconhecem a doença e como ela, de fato, é transmitida. E com isso orientam de forma equivocada as gestantes.
    Beijos

    • Exatamente Karina, os médicos não fazem noção da responsabilidade que eles tem quando simplesmente mandam “se livrar” dos gatos. Muitos animais são abandonados “por orientação médica” e isso é terrível.

  12. É verdade…eu nem vou responder ao comentário que me fizeram no facebook devido essa matéria, que eu coloquei ali em cima…qd as pessoas enfiam na cabeça um coisa, é muito dificil tirar por mais que sejam pessoas entendidas que estejam ensinando…mas o importante é eu saber disso e continuar com minhas duas fofinhas lindas…e no futuro um bebê… :). Obrigada pela ótima matéria!!!

  13. Borginho parabéns para você e a tia Vivian.. Odeio quando vem um povo ‘cheio de razão’ conversar sobre toxoplasmose comigo-obviamente só falam besteira-. E infelizmente muitos médicos preferem dizer para se livrar do gato do que explicar como realmente se pega toxoplasmose!!

    Tive gato durante minha gravidez e foi a época em que mais ficamos juntos e hoje minha filha tem 3 anos e convive com dois gatos… Aprendi a ignorar certas pessoas que vem falar comigo de alergias, asmas e toxoplasmose; só falam o que não devem! Eu e minha filhota somos muito saudáveis e felizes com nossos bichanos =)

    Cheirinho em todos os leitores e gatinhos dos leitores 😉

Deixar um comentário