Foto-0062 (1)

Divã do Borges 27 – O gato do Capitão Gancho

divã

Olá, caros fãs, clientes, pacientes! Como vão?

Recebo hoje aqui em meu consultório a dona Suellen Fortunato da Silva e seu filhote Maximilliam (MAX). Vamos ao caso:

O CASO:

Bom dia Dr. Borges,
Bom, venho contar um pouco sobre o Maximilliam (MAX) que vive comigo desde junho do ano passado.

Max é um bom gato, ele foi resgatado das ruas por uma amiga, que postou uma foto no face, e eu fiquei tão apaixonada que peguei ele!! rsrs… De início meu marido foi contra, ele tem um poodle micro toy de 6 anos, que aceita muito bem, e ama gatos; agora meu marido gosta do MAX.

O Problema dele? Bom, vamos lá, o MAX tem duas manias estranhas! Ele usa uma coleirinha com sininho, pra ficar mais fácil eu saber onde ele está, prq ele sobe em árvore, vai na casa da minha mãe, enfim… é legal, MASSSSS o Max não curte muito, e ele fica subindo e descendo em tudo pra poder fazer barulho… ele mete as patas de trás na coleira… e faz mais barulho… enfim ele surtou.. e já faz mais de 6 meses que ele ganhou essa coleira, o que fazer? Será que gatos não curtem os sinos?

Outra coisa, o MAX mia demais, ele mia, mia, mia por tudo… mia conversando, xingando, brigando… quando está com fome então… putz!

E por fim, ele come demais doutor… come mais que uma jamanta! Tipo… uns 3 kg de ração por mês, mais os nuggets… é normal?

^^ Tirando isso..rs…é o melhor!

ANALISANDO:

1 – O gatinho carrega um sininho e parece não gostar nada dele!

2 – Ele mia, mia por tudo.

3 – Ele come muito!

SOLUÇÃO:

Cara Suellen, o caso do Max não é muito complexo, diria eu que é até simples. Ele sofre do mal do Crocodilo do Capitão Gancho. Sim, sim. É um mal muito comum na psicologia felina. Você conhece a história do Crocodilo de Capitão Gancho? É o seguinte: o Capitão usa um gancho justamente porque sua mão foi comida por um crocodilo e junto com ela, também foi seu relógio. Isso fez com que o crocodilo ficasse com o tic-tac do relógio dentro dele. A qualquer lugar que o crocodilo vai, o Capitão Gancho sabe que ele está chegando porque ouve o relógio fazendo “tic-tac!” Seu gatinho também está assim! Com o sino, não só você, mas todas as presas que ele tanta caçar, sabem que ele está chegando porque ouvem o “plim-plim!” Além disso, experimente dormir próximo a uma goteira. O barulho é quase nenhum, mas depois de minutos se torna horrível. Imagine isso multiplicado por dias, meses e anos…. é assim que ele se sente!

Quanto ao fato de ele miar, é a forma como ele consegue estabelecer comunicação com você e está associado ao fato de ele comer muito. Este caso é conhecido popularmente como “Quem não mia não mama!” O gatinho percebe que toda vez que mia, ganha comida. Então, pra ganhar mais comida, ele mia mais. Assim se torna um mião e um devorador ao mesmo tempo.

O que você deve fazer agora é tirar o sino. Ele passará a ter caçadas mais bem sucedidas, logo, não miará tanto por comida. Resolvendo um problema, você resolveu todos os outros.

Mais um caso resolvido.

Obrigato

Dr. Borges, o gato – @borgesogato

Foto-0062 (1)

Foto-0073

11 comentários em “Divã do Borges 27 – O gato do Capitão Gancho

  1. kkkkkk, adorei o mal do Crocodilo do Capitão Gancho..kkkk
    Mas esse negócio do sino acho que varia de gato para gato. Aqui em casa os meus meninos usam e ainda assim caçam que é uma beleza, se movem tão devagar que as vezes o guizo não faz barulho! Diego já até pegou um beija-flor..A única que não usa coleira com guizo é a Luna, já que gatinhos cegos não gostam dessas coisas, pois pode encostar no corpinho dela e ela não saber o que é, daí bate o desespero e pq ela tbm é guiada pela audição e qualquer barulhinho ia atrapalhar..

    Lindo o Max, e mais um problema resolvido com sucesso!!

  2. Nossa!!!!!!!!!!!!
    Que gatão lindo!!!!!!!!!!!!
    E sobre coleiras com sininhos… Os meus ODEIAM!!! Quase se enforcam quando eu tento colocar… Então nem tento mais…
    E sobre comer muito: Ah…… Comer é tão bom!!! hahaha Deixa ele!!!
    🙂

    • Ta que nem eu tia?
      Entre comer e engordar come!!kk
      Comida é tão boa né? Deixa umas gordurinhas aparecerem não faz mal, protege do frio e nos gatos então,melhor ainda, aumenta a fofurice!!

  3. Quando meu gato era bemmm pequeno (pouco mais de um mês), coloquei nele essas coleirinhas com sininho, poucas horas depois ele se enroscou na correntinha que tinha na persiana e quase morreu enforcado. Foi um desespero só, ele chegou a ficar com o corpo mole sem ar e eu gritando igual uma louca pelo meu marido pq eu não conseguia arrebentar o treco!! Meu marido veio a tempo e o salvou! Sorte que eu estava em casa e vi a tempo de evitar o pior!!!
    Enfim, sou traumatizada com isso e nunca mais tentei colocar em nenhum deles apesar de achar prático saber qdo eles estão chegando e tb achar que eles ficam tão lindos!!!

  4. Kkkkkkkk kkkkkkkk Dr. Borges, brilhante solução 3 em 1! Economizou muitas sessões pro lindo do Max! Problema resolvido!!! Aliás, ‘problemas’! Mais uma síndrome felina desvendada! E como a verdade liberta, muitos gatinhos devem ter sido curados hj, só por saber de mais esta síndrome! Adeus sininho de coleira, adeus problemas! Tapioca agradece! <3

  5. Concordo primeiro passo é tirar o sino ele deve estar estressado rs sabe eu tenho um gato miento em casa também ele mia por tudo principalmente quando agarro e beijo eu nem ligo já me acostumei com o mau humor dele kkkk, agora quanto a comilança será que a ração que você dá é de boa qualidade? Quanto melhor a ração menos eles comem pq elas tem mais nutrientes, vitaminas ou seja sustância kkkk.

  6. O Toth também detesta sininhos, então troquei o sino por algo muito mais útil: uma Plaquinha de Identificação!!! E Ele também come 3 quilos de ração por mês o que é absolutamente normal!!! Seria bom, já que esse gatinho costuma passear, pensar em trocar o sino pela placa não??? beijos!

Deixar um comentário