as gemeas

Divã do Borges 39 – 2 contra 1

divãOlá, caros fãs, clientes, pacientes!!! Faltam seis divãs para eu me aposentar. Então, se você não participou, estou agendando as últimas consultas para a época de natal e a ano novo. Agende enquanto é tempo, enviando seu caso com fotos para borgesogato@hotmail.com

Vamos para o caso de hoje!

O CASO

Borginho,

O caso é o seguinte:
Há uns três anos meu irmão adotou a Sariah. Quando pequena brincava bastante, mas sempre muito independente, só vai no colo quando ela quer, e pede carinho, não gosta muito de carinhos espontâneos.
Acontece que, em maio deste ano, apareceram duas gatinhas no quintal de casa, que foram abandonadas em uma caixa aqui perto. Assim que entraram eu dei comida e um banho. Quando fui procurar a Sariah para conhecer as novas companheiras ela se escondeu e não chegava perto de ninguém. Passou quase um mês sem sair do quarto, agora ela já está mais sociável com os humanos da casa mas continua não suportando as suas primas e faz fuzz o tempo todo e bate nas pequenas, mas como as gêmeas estão crescendo agora a Sariah tem levado uns arranhões também. Ela fica muito estressada, isso me preocupa. Já entre as duas pequenas (Maria e Ana) o convívio é realmente como duas irmãs que não se largam, além de serem muito espertas e fazerem muitas travessuras juntas. Como eu faço para que as três convivam sem brigas? Me ajuda, Borginho!!!!!
Segue algumas fotinhos delas. Ana e Maria são as branquinhas e Sariah, a mesclada branca e preta.
Aline Messias
ANALISANDO:
1- Sariah é muito independente;
2 – Surgem duas gatinhas novas;
3 – As gatinhas estão brigando.
SOLUÇÃO
Cara Aline Messias. Imagine que você, humana que é, vivesse sozinha no mundo. Tudo está à sua disposição, você come o que quer, anda por onde quer. De repente, por um fator não explicado, Deus resolve colocar mais dois humanos para dividir a Terra com você. Como seria? Ela vive esta síndrome de sobrevivente. Ou seja, ela vivia como se fosse a única sobrevivente da Terra e agora descobriu que o mundo está mais habitado do que ela imaginava. Como os gatos são  novos, Sariah os tratará como ETs. Eles, por sua vez, como são menores, unirão forças contra ela. O que se precisa agora é de tempo, pois ela vai se acostumar com a cara deles e eles vão crescer e ter coisas mais importantes para fazer como comer e dormir. Para que as três convivam bem, assim que passarem desta fase infantil em que não há maturidade para o convívio social, busque fazer banquetes opíparos e convide as três. Pelo estômago elas se entenderão e se tornarão irmãs.
Mais um caso resolvido.
Ass.: Dr. Borges, o gato – @borgesogato
as gemeas
As gêmeas
sariah
Sariah

6 comentários em “Divã do Borges 39 – 2 contra 1

  1. Borginho querido, últimas consultas não né? por favor, acredito que todos como eu amam seus casos e mais ainda suas soluções!! Eu mesma resolvi alguns probleminhas com os felinos aqui em casa utilizando sua solução!! #Divãprasempre !!

Deixar um comentário