144

Driblando a fonte da juventude

Fãs,

Gosto de ler aqueles contos antigos que humanos guardam em páginas amarelas sobre prateleiras empoeiradas que falam de uma fonte da juventude. Os humanos são assim, obcecados pela juventude. Eles temem morrer e como a velhice fica ali encostadinha na morte, eles acham que a aparência jovem vai prolongar a vida. Assim passam a achar que a velhice é feia e lutam contra ela com cremes, plásticas, produtos especiais. Gatos não têm medo da morte, não têm medo de envelhecer e acham, inclusive, ficar velho bonito. Claro que acham, nunca vi um gato passar produtos para evitar rugas. Bom, nunca vi um gato com rugas, mas isto é mero detalhe.

Entretanto, o mais grave que produtos de beleza causam é o espaço que tomam da pia. Eles ficam ali, feito obstáculos, dificultando nossa chegada à bica para beber. É creme pro rosto, creme para cabelo, creme para os dentes, creme para fazer barba, creme para depois da barba. Todos eles obstáculos para os gatos chegarem até a torneira e obstáculos para os humanos chegarem até si próprios.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

144

5 comentários em “Driblando a fonte da juventude

  1. Gatos são sempre lindos, não entendem de feiura, de envelhecer “por fora”, veja meu Jordan, 17 anos e ainda um gato.

  2. Puxa que legal, um gato de 19 e outro de 17 anos! Deus abençoe-nos para que os meus cheguem próximo ou além dessas marcas, mas principalmente, com muita saúde! Ei Borginho, não fica bravo comigo, mas é que alma de jornalista é gfogo viu! Queria dar uma sugestão de artigo ou entrevista com essas pessoas que tem gatinhos bem velhinhos e saudáveis, queria muito saber qual é o estilo de vida deles, o que comem, se escovam os dentes regularmente, se tomam banho regularmente, se vão ao veterinário tomar vacinas todo ano, de que maneira costumam beber água, enfim, simplesmente tudoooo! Quero saber qual é o segredo da “fonte da juventude” felina?

    • Oi Bi@…
      Eu tenho uma gata de 18 anos. Ela tem rinotraqueite e já teve 3 tumores de mama retirados. Ela tem crises frequentes de rinotraqueite, não é muito ativa, passa o dia inteiro e a noite dormindo, não brinca mais (só com muito estímulo). Ela come ração seca da Whiskas (que muita gente fala mal mas nunca tive problema) e sachê ou lata diariamente. Apesar de tudo ela vive bem, do jeito dela.
      Por conta da gripe constante eu evito dar banho, acho que esse ano só dei duas vezes. Nunca escovei os dentes dela. Água ela bebe do prato e do box do banheiro.
      Ela não consegue mais subir em coisas altas, o pelo perdeu o brilho, mas continua linda, adorando um carinho, ronronando, amando e me fazendo muito feliz. 🙂

Deixar um comentário