1

Escrevo para o prazer – 2 anos de blog

Há dois anos eu cruzava o Rio de Janeiro em uma caixa de sapatos. O feito quiçá ainda entre para os livros como Vasco da Gama que cruzou o Cabo das Tormentas ou como Colombo que chegou à América. Acreditem, é muito mais difícil  um gato cruzar o Rio de Janeiro em uma caixa de sapatos do que um português bigodudo cruzar um continente em uma caravela. Há dois anos, não eu, pois não fui o fundador de tudo isso, papai e mamãe criaram o blog. A ideia era, inicialmente, colocar fotos minhas, mostrar para todo mundo como eu era bonitinho. Papai era quem atualizava o blog e colocava as fotos. Cresci vendo toda essa movimentação, fui me tornando adulto sob os flashs. Na biblioteca, me alfabetizei e finalmente resolvi tomar as rédeas do blog e começar a escrever. Hoje, escrevo e leio meus leitores. Muita gente me escreve e diz coisas do tipo: Borginho, você tem que ganhar dinheiro com esse seu blog! Borginho, você tem que lançar um livro pra ficar rico. Ah, mas eu estou tão bem assim, para que quero riqueza se nasci abandonado em um campo e cheguei à minha família em uma caixa de sapatos? Que mais eu posso querer? Não gosto de anunciar produtos, não faço propagandas de coisas que eu não conheça, não quero salvar ninguém, só quero me divertir junto com as pessoas, ficar aqui conversando sem preocupações econômicas, políticas, sociais. Não que elas não sejam importantes, até são, mas já tem tanta gente preocupada com isso, eu quero me preocupar com o prazer, com o sono, com a literatura, com estas coisas que geralmente as pessoas não se preocupam e só um gato pode se preocupar. O blog mudou ao longo do tempo, muita gente nova embarcou nessa nossa viagem e, hoje, são tantos leitores que a única coisa que lhes posso prometer é continuar escrevendo prazerosas futilidades de gato. Que graças a essa minha viagem muitos gatos tenham também viajado para famílias felizes, muitos textos tenham trazido sorrisos e lágrimas. E se nada disso aconteceu, pelo menos para mim valeu a pena, pois não fiz em troca de nada, fiz só porque senti tanto prazer como quando como um sachê ou tiro um cochilo no colo de minha mãe.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

1
Há dois anos atrás
73
Hoje

 

 

14 comentários em “Escrevo para o prazer – 2 anos de blog

  1. definitivamente o mais importante na vida é ter prazer naquilo que se faz! 😉 que venham mais 2 anos de muita alegria! parabéns borginho!

  2. Que legal Borges!!! Parabéns pelo aniversário do seu blog! E fico feliz em te dizer que essa é uma data que nunca esquecerei pois é também o dia do aniversário do meu filhote humano! O Hugo, que está fazendo 8 anos e tb já aprendeu a amar os gatos e suas peculiaridades! Bjs!

  3. Borginho, obrigada por ter assumido o blog e pode estar certo de que trouxe muitos sorrisos e lágrimas ás tias. Salvou os dias sombrios e emocionou os dias gélidos.

  4. Querido Borges! Feliz aniversário do blog! Acredito que não deve haver algo mais prazeroso do que fazer o que se gosta. Continue assim, feliz,felino, dividindo conosco suas peripécias de gato!
    Grande beijo!
    Tia Rosane

  5. Parabéns Borginho!!!!!
    Seu blog é delicioso mesmo… Como um sachê de atum deve ser…
    Mas eu realmente gostaria que vc lançasse um livro com suas melhores crônicas e fotos. Seria um livro de cabeceira para as tias gateiras, para a gente poder reler sempre seus textos e se emocionar novamente com cada um deles.
    Pensa com carinho nesta possibilidade! Não pelo dinheiro, apesar de que o dinheiro para os humanos é sempre bem vindo, mas pelo presente que vc estaria dando aos seus fãs mais talibãs.
    Sucesso!!!
    🙂

    • Ethel você falou tudo o que eu queria dizer.
      Adorei a sua descrição, realmente o livro seria um presente para nós. Um sonho mesmo.
      Pensa mesmo com carinho Borginho.
      E que muitas pessoas que ainda não tiveram o prazer de te conhecer ainda. conheça esse cantinho que faz parte da minha vida.
      Quando não leio nada aqui (por motivos da minha vida) sinto que faltou alguma coisa no meu dia.
      Muito carinho para quem faz parte disso tudo. : )

  6. Que bom meu amorzinho bigodudo lindo, que vc resolveu escrever e continuar blogando por prazer. Continue o mesmo, não mude a essência nunca!!!! Que venham anos e anos e anos de puro deleite! ♥

  7. Ah Borginho eu te acompanho não faz nem um ano,mas parece que te conheço desde sempre..Vc me aprofundou nesse mundo felino, nessa família nova-borgiana- e até me fez conhecer um pouco da sua própria família. Me sinto tão bem aqui, conheci pessoas maravilhosas e claro que teus textos despertam as mais variadas emoções e sentimentos..Espero poder acompanha-lo nessa jornada para todo o sempre!!!!
    <3

Deixar uma resposta para Samira Abreu Cancelar resposta