gatos-juntos

Fazer algo diferente

Humanos,

Hoje tiramos o dia para fazer algo diferente. Sim, afinal, nós três nos juntamos muitas vezes apenas para viver a rotina: dormir, dormir e dormir. Então Christie teve a ideia: por que não fazemos algo diferente? Pessoa sugeriu: “Sim, vamos fazer cirurgia de mudança de espécie: eu sou um cão!” Eu disse à Pessoa que não, que existiam coisas mais fáceis e divertidas que isso. Então minhas irmãs me pressionaram: “Fala você!” Pensei bastante e disse com convicção: “Por que não ficamos acordados juntos?”Elas se olharam assustadas. “Sim, porque quando um de nós está dormindo, o outro está acordado, quando um está acordado em um cômodo o outro está em outro. Imagina se nós três ficássemos acordados juntos.” Pois, então, foi decidido. Ficamos acordados um minutos, dois, três… No terceiro minhas irmãs já estavam entediadas: “Mas, Borginho, o que se faz acordado?”E eu respondi: “Ué, dormir, não lembro de já ter ido dormir sem que eu estivesse acordado.” E, assim, dormimos.

Borges, o gato

gatos-juntos

2 comentários em “Fazer algo diferente

Deixar um comentário