Hã, mas como assim?

De repente ouvi papai falar no telefone com mamãe: Tá sim, ela tá diferente sim. Exatamente, miando, as tetas também estão maiores.

A Christie estava no quarto pra não ouvir a conversa, mas eu que tava na sala ouvi tudo.

Depois chegou mamãe e ligou pra vovó: É mãe, ela tá diferente mesmo…

Mamãe passou a noite procurando umas coisas esquisitas na internet relacionadas a gatas. Achei estranho, pensei: algo está acontecendo com a Christie!

Fui falar com ela, realmente ela tava estranha, com a voz diferente, mais grossa, com uns hábitos estranhos.

Fiquei preocupado: será que ela tava com algum demônio no corpo? Na noite anterior eu tive vendo aquele filme muito ruim chamado Exorcista! Mas não, não poderia ser…

Passou mais um tempo, Christie começou a subir pelas paredes! Tive certeza, era o capeta! Não sei se vocês sabem, mas gatos odeiam o capeta, a maior prova disso é que se costuma chamar o capeta de CÃO! Só faltava agora a pobre da Christie vomitar abacate e girar a cabeça.

Me escondi embaixo da mesa com medo daquilo tudo… foi então que ouvi mamãe dizer pra papai: Mas ela é tão novinha pra estar no CIO!

CIO? Hã, mas como assim, o que é isso? Que palavra nova é essa diante de meu vocabulário tão vasto? Vou ter que pesquisar!!! Aguardem cenas dos próximos capítulos.

11 comentários em “Hã, mas como assim?

  1. Hahahahahahahahahahahahhahahahahahahahahahahahahaha – inspira – hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahhahahaha…
    Achei curioso o Borges comparar a Christie ao exorcista, mas a foto que ilustra o post fechou com chave de ouro.

  2. Pois é. A minha gata estava com 4 meses quando também entrou no cio cedo cedo. A vet disse que influencia muito é o calor.
    Tadinha da Christie.
    E Borges você é o máximo! Amei a foto de “não estou entendendo nada”

    • Borges, vc como um gato letrado que é deve ter percebido que eu utilizei o português de forma errada. rs
      Aceita isso, Borges!

      • Que bom! Tadinho na cirurgia, eheheh. Tenho 30 gatos em casa (recolho da rua e cuido e tento encaminhar para adoção). Só tenho um macho castrado que adotei adulto; os outros ainda são muito novinhos. Mas as femeazinhas estão no período de castrar e morro de dó quando voltam para casa com cara de “onde estou, o que aconteceu, eu vejo luzes”… Mas é necessário. Famoso Borges, ajude a divulgar os gatinhos daqui de Fortaleza-CE que precisam encontrar lares como você encontrou: http://gatosdoparque.blogspot.com.br/

Deixar um comentário