872

High five e a evolução patal

Fãs,

Pessoa veio-me com essa: “Quero fazer aquele cumprimento humano que vejo sempre nos filmes, as pessoas batem suas mãos”, “High Five”, falei. Pessoa não entendeu, mas colocou sua pata sobre a minha, num ritmo felino de sono. Depois, perguntou: “Por que você falou esse nome esquisito?” Porque é o nome do cumprimento: como temos cinco dedos nas patas dianteiras, é um high five, se fosse com as patas traseiras, seria um high four. Pessoa continuou sem entender. Expliquei que five era cinco em inglês e quatro era four. Pessoa então me perguntou: “Por que não somos iguais aos nossos pais que têm cinco dedos nas mãos e nos pés?” Expliquei a ela que há uma coisa chamada evolução, que os humanos, no futuro, também não terão o dedo mindinho do pé, estão sempre evoluindo, mas nós estamos na frente. “Ah, entendi”, disse Pessoa. “Então quando papai e mamãe tiveram a gente, a gente já veio evoluído sem esse dedo? Caramba, nossos filhos então, vão nascer até sem perna se bobear.” E eu já com sono disse: “isso, Pessoa.”

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

 

872

3 comentários em “High five e a evolução patal

  1. Pessoa é muito curiosa Borges. Você é escritor e filósofo. A Christie é detetive e fashionista. Pessoa vai ser cientista, desse jeito, se a preguiça deixar, claro.

Deixar uma resposta para Paola Limeira Cancelar resposta