791

Mágica

Olá, fãs.

Saí do bunker anti-Pessoa, após ficar 24 horas sem presenciar perigo no ambiente. Fui à sala e nada. No corredor, nenhum sinal. Na cozinha, nada. A casa era, novamente, minha. Corri, me esfreguei nas quinas, dormi no sofá. Como era boa a vida sem Pessoa, a vida de antes. Como mágica, entretanto, Pessoa saiu do chapéu! Não era um coelho, não era uma lebre, parecia um rato, mas era Pessoa! Veio pra cima de mim! Corri! Continuou andando em minha direção, assustadoramente. Me perseguiu pela casa, até que, vendo o chapéu vazio, mergulhei nele. Sumi.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

791

792

9 comentários em “Mágica

  1. Ain…. E esse pelinho arrepiadinho, gentem… Fofura!!!! Ô Borginho… Tô com peninha de vc. a Lola tb fica assim aqui em casa na presença do Tobias e do Francisco.Ela passa o dia todo numa caixinha de papelão que ela ama, e só sai dela de vez em quando. Te entendo perfeitamente :/

  2. E Borges, e você que reclamava da vida no castelo de Grey!! Rararara… essas são as voltas que a vida dá… agora quem tem que ficar escondido porque tem um “invasor” é você… pensa como o Grey se sentia vendo pelinhos brancos pela casa… Relaxa, adote o Pessoa de uma vez e alfabetize ele também.

  3. Ai, meus deuses! Como Pessoa é lindo! Vocês três são lindos demais! Não implique com o pequenininho, Borginho!

  4. Vc não pode sumir… Vc tem fãs sempre sedentos, que esperam, a cada dia, pelas pérolas da filosofia Borgiana… ❤

Deixar um comentário