borges-cocador-1

O coçador: essa aranha de metal

Fãs,

Papai ama o coçador de cabeças. Mas, descobri uma utilidade muito melhor pra ele: coçador de gengivas. Quando o objeto fica sobre o sofá, uso as pernas daquele aranhão de metal para acariciar meus dentes, é relaxante. O grande problema é que às vezes vou coçar a gengiva e acabo quase furando um olho.

Papai me disse que é tudo uma questão de ponto de vista. Que não é o aranhão de metal que nos dá prazer, seja coçando a gengiva, seja coçando a cabeça. Nós que damos prazer a ele. Segundo papai, ele sente muito prazer nas pontas dos pés. Fiquei feliz em saber que toda vez que coço minha gengiva, estou dando prazer também e não só explorando as patas de obra do coçador. Agora, levo o coçador pela casa. Penso que não estou sequestrando-o ou carregando-o por aí, mas, sim, proporcionando a ele incríveis viagens para obtenção de prazer mútuo.

Ass.: Borges, gato – @borgesogato

borges-cocador-2

borges-cocador-1

3 comentários em “O coçador: essa aranha de metal

Deixar uma resposta para Paola Limeira Cancelar resposta