Quando o gato é o centro da casa

Fãs,

Quando o gato é o centro da casa, a casa tem as cores do gato. Quando o gato é o centro da casa, a língua oficial se torna o miado. Quando o gato é o centro da casa, todos os objetos são gato. Quando o gato é o centro da casa, o sofá vira arranhador. Quando o gato é o centro da casa, por toda a casa tem pelo de gato. Quando o gato é o centro da casa, há brinquedos de gato por cada canto, mas o gato só brinca com o que não é brinquedo. Quando o gato é o centro da casa, toda pocinha d’água é uma possibilidade de matar a sede. Quando o gato é o centro da casa, a casa deixa de ter centro, pois o gato só gosta de ficar pelos cantinhos. Na minha casa eu sou o centro da casa e aqui todos somos felizes por isso, falo com a certeza de quem é o centro da casa.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

Eu, no centro da casa.

“Quando o gato é o centro da casa, todos os objetos são gato”. Esse é o pegador de panela da minha casa.

15 comentários em “Quando o gato é o centro da casa

  1. Hihihihi, que casa mais feliz a sua, querido! 🙂
    A tia quer, em breve, um gato para ser o centro da casa.
    Beijos!

  2. Por isso que eu sou sua fã, Borges! Na minha casa o centro da casa é o labrador Barum, 13, guloso, chato e bruto! Ele late alto no meio da sala, derruba coisas com o rabo, rouba comidas, me persegue, solta pelos pretos na casa inteira…é uma longa lista…
    Mas quem dorme na cama da mamãe sou EU!
    Lambidas da Pink, a gata da Laís

  3. ahhhhhhhhh!!!! igualzinho aqui em casa viu Borges!!!! e quem não gostar que nem venha aqui!!!!! pois a casa não é minha e sim das minhas 3 gatas!!!!!! bjuu*

  4. Borges, o meu Stallone também é o centro da casa, da minha vida, não existe eu antes dele… amor incondicional….

Deixar um comentário