um-flagrante

Um flagrante

Humanos,

Não… não! Não é nada disso que vocês estão pensando. Christie só está comendo o macaco. Digo, está mordendo o macaco, arranhando. Ou melhor, digo, não, mãe, ela está brincando com o macaco dela, dela não, no caso não é dela, é do Francisco, ela não vai estragar muito, digo, não vai estragar, acho, ou melhor, tenho certeza, prometo, prometo não, porque não precisa prometer, ela não vai estragar, verdade, pode confiar em mim, ou melhor, nela, digo, nela! Vai ficar tudo bem, é só uma brincadeira com o novo macaco do meu irmão, sem morder, sem arranhar, sem estragar, só brincando, tá? Sim, sim… ela entendeu, tenho certeza. Entendeu, sim. Não é, Christie? Não entendeu? Melhor devolver esse macaco pro Chico antes que ele chore…

Nossa, eu não sei nunca o que dizer para proteger alguém pego em flagrante.

Borges, o gato.

 

um-flagrante

2 comentários em “Um flagrante

Deixar um comentário