4

Xaninha – Modelo fotográfica, gokuista e gata

Fãs,

Voltemos a falar da Xaninha, campeã do concurso fotográfico. Hoje, mamãe e papai pegaram a cesta de presentes no Pet Paradiso para enviar para ela e pensei: “Quem é essa felina que vai receber nosso presente? Qual a sua história? Qual a história de sua mãe?

Xaninha era uma gatinha mendiguinha que vivia diante de uma oficina mecânica entre graxa e estopas. Engravidou de um macho desses que sumiu pelo mundo. O dono da oficina, lembrou que tinha uma amiga muito defensora dos animais, chamada Louise Meyrink:

– Alô!

– Alô, Louise!! Tudo bom?

– Oi, tudo! Que conta de novidade?

– Sabe a gatinha que tá sempre aqui pela oficina? Andou meio sumida e agora apareceu com maior barrigão.

– Nossa, estou indo aí agora ver.

Louise levou a gatinha pra ficar 4 dias na sua casa, enquanto seu amigo arrumava um lugar pra que Xaninha pudesse ter seus gatinhos. Porém, Louise gostou tanto da companhia que os 4 dias viraram muitos. O hotel da Xaninha foi virando lar. A anfitriã foi virando mãe.

Xaninha teve seus filhos com segurança sob os olhos da tia Louise. E os burburinhos eram muitos: “Louise sua maluca, como você vai ficar com uma gata grávida?”, “Louise, como você vai ficar com uma gata velha?”, “Louise, você vai ficar com uma vira-latas pulguenta?” Louise não sabia todas as respostas do mundo, mas estas  sabia. Sabia que ia ficar e ficou. Viu nascerem vários gatinhos lindos.

A gatinha acostumada às ruas e à oficina, ainda desconfiava da casa. Abrigou seus filhotes em um buraquinho na parede, escondidos do mundo, inclusive da tia Louise. Com o tempo, eles foram crescendo, saindo e conhecendo um mundo bem melhor que o de sua mãe. Um deles, infelizmente, morreu porque nasceu doentinho. Os outros, já desmamados, precisariam encontrar um novo lar.

Louise e Xaninha, entre lágrimas de saudade e alegria, enroscadas uma na outra, viram os filhotes encontrar novos lares e formar novas famílias felizes. Restaram e se bastaram ali, vovó Louise e mamãe Xaninha , se olharam e resolveram declarar, com um silêncio, amor eterno. Estão juntas, são amigas, trocam olhares, carinhos, miados e vieram parar no meu Concurso Fotográfico.

A fotografia é uma paixão de Louise, não é em vão que suas fotos da Xaninha são lindas. Porém, como conseguir tantos votos para vencer o concurso? Quando ela entrou já havia fotos com mais de 500 curtidas. Eu mesmo, Borges, o gato, tive que ler nos comentários: “Esse concurso é uma marmelada, só tem como ganhar quem mandou nos primeiros dias!” Pois, então, os agourentos e mal humorados tiveram que dobrar a língua novamente, graças à Xaninha e à tia Louise. Ela comprovou que a internet tem uma dinâmica totalmente diferente de todas as outras mídias. Buscou apoio com diferentes pessoas e grupos. Até que Xaninha virou objeto de carinho de uma sátira bem humorada da Igreja Universal, a Igreja Universal do Reino de Goku (um personagem japonês). Pronto! Centenas e centenas de gokuistas peregrinaram em direção à gatinha. Ela virou um símbolo religioso a ser cultuado. A votação se tornou a paródia de uma guerra santa. Enquanto isso, sua mãe Louise roía as unhas, torcia, divulgava a foto da filha e perdia o sono. Exatamente, Louise interpretando seu papel de mãe  maluca e fanática chegou a ficar sem dormir por causa do concurso. Mas é porque para Louise o concurso ganhou outra conotação, para ela, era a chance de mostrar ao mundo que aquela gatinha que todos disseram não valer a pena por estar grávida, suja e abandonada era, na verdade, uma vitoriosa. Louise estava tratando Xaninha com o mesmo carinho que Xaninha tratou seus filhotes que foram para novos lares. As duas ali, há 3 meses, viviam o ápice de uma linda história. Para nós que assistíamos, era um simples concurso fotográfico de gatinhos fofos. Para elas, era a vitória de duas guerreiras felinas.

Ass.: Borges, o gato – @borgesogato

Flicker da tia Louise com algumas fotos – http://www.flickr.com/photos/louise–meyrink/sets/72157632919772489/

4
Xaninha, a vitoriosa
1
Xaninha com um de seus filhotes
2
Netinho da Louise e suas almofadinhas
3
Filhos da Xaninha, brincando
igreja gokuista
A fanpage Igreja Universal do Reino de Goku que adotou Xaninha como objeto de veneração
gokuistas
Olhem as mensagens gokuístas embaixo das foto da Xaninha no site. Só a mensagem do primeiro Gokuista tem 171 curtidas!

 

gokuistas2
Discípulos de Goku peregrinavam até Xaninha

Para ver todos os comentários na foto da Xaninha, entre nesse link aqui.

14 comentários em “Xaninha – Modelo fotográfica, gokuista e gata

  1. Borginho, a história da Xaninha e sua mãe Louise é linda e me lembra muito a minha história com minha Mell. Também adotei a Mell assim. No caso, ela estava debaixo de uma chuva torrencial, na rua, com dois filhotinhos! Acolhi na hora!Infelizmente, esses filhotes não resistiram e morreram. Mas logo depois a Mell nos presenteou com uma ninhada linda!!! Esses tiveram sorte de nascer num lar preparado e protegido, foram criados por mamãe Mell com muito carinho e, depois de desmamados, também encontraram lares felizes, graças a Deus e a ajuda de uma amiga que também ama e cuida de gatinhos. Hoje Mellzita é castrada, vivemos num lar feliz, onde ela compartilha espaço com “seu cachorro”, o Pudim!Nossa, me emocionei com a história da Xaninha! Foi uma vitória justa e merecida! Parabéns a ela e a sua mãe Louise.

    • Que lindo Fabiana, adotar uma mamãe com bebês na chuva, deve cortar o coração ver essa cena… Que bom que hj ela está bem e não precisa mais se preocupar com a próxima chuva!!!
      Beijos e felicidades

  2. ammigo Borges, me emocionei com a historia da Xaninha e da sua Mamy fofa…hum dizer que uma vida não vale a pena é pura hipocrisia, ( desculpa mamy da xaninha, se isso veio de algum familiar seu, mas é o que eu acho) pode ser velha, que é só cuida, pode estar suja que é só limpar, pode não conhecer o amor, mas é só ensinar lhe……são regras básicas, se ela chegou depois e ganho é o que vale…Como disse, eu não ganhei mas fiquei feliz de ver que não sou o úunico no mundo a amar os gatinhos, conhecer a aleggria de outros, que como os meus fazem a felicidade de muita gente que os ama….valeu Borges, Parabens Xaninha e Louise….conhecer a batalha por qual passou é otimo… 😀

  3. Esses concursos são bons porque nos revelam histórias interessantes, emocionantes sobre os gatos e suas famílias humanas. Penso que esses momentos devem ter continuidade, para que as lembranças boas dos nossos bebês sejam perpetuadas. Não que isso já não aconteça, mas quando leio textos assim, me conscientizo, cada vez mais, de que AINDA temos HUMANOS vivendo neste planeta. Precisamos ter essa certeza. Parabens, Louise, parabens Mell, por terem se encontrado e reencontrado a chance de serem felizes juntas.

  4. Parabéns, Xaninha e mamãe Louise!
    Que história linda…
    Chorei de rir com os comentários dos Gokuístas.
    E, Borginho, parabéns pela sua paciência em organizar esse concurso e aturar mimimi…
    Beijos!

  5. Que historia linda!É como ja disseram ai, são pessoas como a Louise que merecem nosso respeito e admiração!

  6. Me emocionei, que pessoa admirável a Mamy da Xaninha! Desejo que as duas tenham muitos anos de vida para compartilhar esse amor!

  7. Amei conhecer a história da Xaninha e sua Mamis e tenho certeza de que muitas outras histórias dos gatinhos do álbum são semelhantes. A coisa mais linda desse concurso foi ver os bebês, grandes e pequenos, todos muito bem cuidados e imagino que na sua graaaaaande maioria historinhas que poderiam ter sido tristes e curtas mas que acabaram lindas como podemos constatar nas fotos deliciosas dos peludos! O meu maior prazer ao participar do concurso foi ver meus bebês entre tantos gatinhos lindos nesse álbum maravilhoso de histórias bem sucedidas! Parabéns pelo sucesso do concurso Borginho!

  8. Ah que coisa mais linda esse encontro da Xaninha e a mãe dela.
    Não é a toa que sempre um gato conquista uma pessoa pelo coração.
    Parabéns por ter vencido! : )

  9. Chorei. Minha gatinha chegou aqui na porta de casa gravidinha também. A princípio ela ficaria só um fim de semana, já tínhamos encontrado um lugar pra ela. E quem disse que a deixamos ir? Hoje seus bebês estão com 21 dias e são lindos!

  10. Adorei a história da Xaninha, provando que todo gato vale a pena!!!!
    Parabéns para a mamãe que não deu bola pro pessoal e decidiu ficar com essa verdadeira gata!!hihi
    E minha admiração aos fãs do Goku que a ajudaram a vencer.. Parabéns a Xaninha e todos os gatos do concurso, um mais lindo que o outro!!!!
    Lambeijo especial para a tia Louise e Xaninha =*

Deixar um comentário